Sebrae Acesse o Portal Sebrae
Você está na ASN

Agência Sebrae de Notícias

ASN MT 20/07/22 às 15:50 Atualização 21/07/22 às 15:16
Compartilhe

Cuteleiro de 12 anos viraliza na internet com mais de dois milhões de visualizações

Por Assessoria Sebrae/Ana Maria Ferreira
ASN MT 20/07/22 às 15:50 Atualização 21/07/22 às 15:16
Compartilhe

Um pequeno empreendedor, da cidade de Guarantã do Norte/MT, município que fica a 750 km de Cuiabá, está ganhando fama nas redes sociais com vídeos que já ultrapassaram os dois milhões de visualizações. A história que começou a tomar forma com o aprendizado sobre o conceito de Educação Empreendedora adquirido no JEPP- Jovens Empreendedores Primeiros Passos – do Sebrae, vem transformando a vida de Guido Valadares Denzer Borges, um garoto de apenas 12 anos que aprendeu como empreender mesmo tendo poucos recursos.

Colocando em prática o que aprendeu no curso do Sebrae, o garoto resolveu apostar no ramo de cutelaria, e o primeiro passo foi investir na produção, nessa fase cerca de 10 facas foram fabricadas. O segundo passo foi anunciar o produto ali mesmo na vizinhança, o que resultou na venda de todo o estoque. O sucesso nas vendas motivaram a fabricação de mais facas e mais pessoas adquirindo o produto. Mas o sucesso mesmo veio com os vídeos produzidos de forma caseira para as redes sociais, como Tik Tok, Youtube e Instagran.

A primeira gravação feita pela irmã do nosso pequeno empreendedor alcançou mais de 2 milhões de visualizações na plataforma do Tik Tok, cerca de 1 milhão só no Facebook. O vídeo ainda rendeu mais de 15 mil comentários. Toda essa repercussão resultou em muitas encomendas de facas, uma delas inclusive, vinda dos Estados Unidos. Além disso, o jovem cuteleiro tem recebido doações constantes de ferramentas e matéria-prima para a pequena oficina.

A família de Guido tem recebido o suporte da Sala do Empreendedor, espaço do Sebrae em parceira com as Prefeituras Municipais, que facilita os processos para abertura, regularização e baixa de empresas e que oferece serviços exclusivos para Microempreendedores Individuais (MEI). A equipe da Sala tem apoiado Guido para comercializar as facas personalizadas produzidas nos fundos da casa onde mora com os pais e duas irmãs. Antes de ser sucesso nas redes sociais, o pequeno empreendedor cuteleiro, investiu na venda de legumes, e vegetais. Depois começou a investir em reciclagem e, finalmente, vendo vídeos na internet que conheceu a cutelaria.

Uma Associação de Cuteleiros do Rio Grande do Sul deu de presente para Guido um curso de capacitação em cutelaria. O pai do garoto, Lairton Pastório Borges, conta que o sucesso repentino de Guido pegou a todos de surpresa ”Temos recebido muitas doações para a oficina. Muita gente querendo ajudar meu filho. Ele ganhou um curso completo de cutelaria no Rio Grande do Sul, incluso passagens ida e volta estadia. Então estamos muito felizes”, comenta.

Com todo esse apoio a família criou até um grito de guerra para o jovem empreendedor: Todos unidos pelo nosso cuteleiro tem ecoado por toda Guarantã do Norte. “Só tenho a agradecer a Sala do Empreendedor, do Sebrae e todos que estão me ajudando”, finaliza Guido.

 

 

Compartilhe
Ficou com alguma dúvida ou tem sugestões? Entre em contato pelo [email protected] ou fale com a ASN em cada UF

Notícias relacionadas